A identidade visual é o aspecto visível do branding, ou seja, os elementos criados para que uma empresa cause reações e seja lembrada pelo cliente. Ela inclui coisas como logos, fontes e outros recursos visuais que podem ser utilizados para comunicar os valores de uma marca.

Que tal entender de uma vez por todas porque identidade visual é tão importante e o que ela consegue dizer sobre o seu negócio? Então comece já a leitura!

Por que uma identidade é tão importante?

As identidades visuais são, muitas vezes, a primeira forma de contato entre uma marca e o cliente. Mesmo sem conhecer seus produtos, visitar a loja ou o website dela, a identidade é o suficiente para fazer com que uma empresa se destaque entre as demais.

Isso acontece porque a maioria de nós é atraído visualmente antes de tudo, o que faz com que estejamos mais propensos a confiar naquilo que achamos bonito e no que já conhecemos.

Mas uma identidade visual não tem apenas o papel de tornar as pessoas atraídas pelo empreendimento. Ela é uma maneira de diferenciá-lo da competição, criar um laço com o consumidor e se tornar uma lembrança que ele carregará ao longo da vida.

Pense em marcas como o Google ou a Apple. Você provavelmente é capaz de reconhecê-las de longe, mesmo que não identifique o contexto em que estão aplicadas. Isso acontece porque elas remetem a uma porção de características que consideramos positivas.

A maçã é simples e intuitiva, como os produtos vendidos pela empresa de Cupertino. Assim como as cores do Google são vibrantes, alegres e instintivamente fazem com que acreditemos que é possível encontrar tudo lá, seja no buscador ou nos produtos e softwares que a organização vende.

Porém, quais são os elementos que nos fazem perceber uma identidade visual como melhor que as outras? É isso que vamos explicar a seguir.

Que elementos criam de uma boa identidade visual?

Que os elementos de uma identidade precisam ser memoráveis você já sabe. Todavia, por trás da criação de um logo existe uma porção de escolhas que nos levam a um bom resultado. Conheça algumas delas!

Conceito

Na hora de fazer um logo, os especialistas devem criar um conceito que seja correspondente aos valores, princípios e objetivos da empresa.

Um conceito bem definido remete ao que a sua marca comercializa, de forma sutil, permitindo que ela possa ser compreendida mesmo por pessoas que a viram apenas algumas vezes e ainda não entraram em contato com o negócio.

Cores

As cores são elementos muito relevantes na criação de identidades, porque cada uma delas evoca uma sensação. O azul utilizado por empresas como o Facebook é uma cor associada à credibilidade, o que faz com que estejamos mais propensos a utilizar o serviço.

Fontes

A escolha de uma ou mais fontes também é decisiva na forma como uma empresa é vista pelos clientes. Ela é o que chama atenção para o nome do empreendimento e, muitas vezes, pode ser usada sem a definição de um símbolo, desde que seja única o bastante para tornar-se memorável.

Símbolo

Como você viu no tópico anterior, nem todas as marcas possuem símbolos. Para muitas identidades visuais, porém, eles são salutares. Os símbolos são ícones customizados, feitos exclusivamente para um projeto e que não precisam vir sempre acompanhados da fonte para serem lembrados.

Pense, novamente, no exemplo da Apple. Boa parte das lojas e produtos da marca não têm uma menção sequer ao nome dela. Ainda assim, ao ver a fruta instintivamente pensamos na empresa criada por Steve Jobs.

Grid e alinhamento

Logos são elementos utilizados para expor uma marca em todas as suas peças de comunicação. Para fazer isso, precisam ser fluidas e coerentes o bastante, a fim de que não sejam confundidas com peças de outros empreendimentos.

Os grids e guias de alinhamento fazem com que uma identidade possa ser percebida com clareza e transmita uma forma harmônica, em todas as aplicações.

Que erros não devemos cometer na criação de uma identidade?

Durante a criação de uma identidade visual, há uma série de erros que não podem ser cometidos. Eles podem comprometer os retornos esperados pelo negócio, afetar a credibilidade da marca e torná-la menos memorável do que era esperado.

Veja, a seguir, alguns desses erros.

Desconsiderar o público-alvo

Todas as identidades visuais devem ser construídas pensando não apenas no empreendimento, mas no público que ele deseja atingir. Caso não seja possível fazer isso, a empresa terá dificuldades de atrair as pessoas com o potencial de consumir seus produtos ou serviços.

Levar em consideração o público-alvo é fundamental para conseguir atingi-lo. Por isso, empresas especializadas no desenvolvimento de projetos de identidade dedicam parte dos seus esforços para entender quem poderia estar interessado por determinada solução.

Munidas dessas informações, as empresas conseguem entregar identidades que não só representam os valores da marca, refletem também as expectativas do consumidor.

Concentrar-se apenas na estética

É claro que clientes esperam que a identidade visual seja atraente o bastante para lhes chamar atenção. Entretanto, empresas que se concentram apenas na forma como suas marcas aparentam, tendem a enfrentar dificuldades na hora de transmitir informações importantes.

Nem sempre uma marca bonita é capaz de expor o que faz de uma empresa especial. Esse problema pode arruinar as suas chances de obter bons resultados.

Deixar de analisar a concorrência

Sua empresa não estará sozinha no mercado. Ela terá de competir com muitos outros negócios que têm objetivos em comum, visam públicos-alvo similares e que, talvez, tenham mais experiência que ela. É por esse motivo que não podemos ignorar o contexto de uma marca.

Além de ser mais atraente que a competição, a identidade visual precisa demonstrar claramente porque um produto é melhor que os demais disponíveis nas prateleiras.

É imprescindível contar com a ajuda de um especialista para criar a identidade visual da sua empresa. Esse tipo de profissional conhece quais recursos e estratégias podem destacar o seu negócio, diferenciá-lo da concorrência e ajudá-lo a caminhar em direção ao sucesso.

Que tal uma identidade visual que tem tudo a ver com o seu negócio? Converse agora com a MV Agência e descubra como podemos ajudar!